A Casa da Residencia Terapeutica

Informações básicas

Tipo da experiência: 
Em grupo

Dados do autor principal ( responsável pela experiência)

Nome do responsável pela experiência: 
Sylvia Regina Rocha Lemos

Resumo da experiência de humanização

Instituição a qual a experiência se refere: 
Residencia Terapeutica
Foco da intervenção: 
Atenção Básica
Análise crítica da experiência: 
Resultado de um trabalho realizado por cinco anos em uma Residência Terapêutica no Distrito do Centro Histórico de Salvador. A Residência Terapêuticas e um dispositivo da Reforma Psiquiátrica para pacientes sem vinculo familiar e com muitos anos de internação, considerados moradores, dos manicômios. Falo de pessoas com transtorno mental , com discursos delirantes, que viveram vinte, trinta anos segundo a logica de uma instituição psiquiátrica e que passaram a morar em uma residência que aos poucos foram absorvendo, o momento que estavam vivendo, passando à uma outra forma de lidar com os estímulos, perspectivas e ações em suas vidas. Vivemos todos o grande desafio de cuidar daquele espaço denominado de Residência terapêutica em um espaço de moradia com qualidades de um lar. Para tanto construímos conceitos como, lar, reabilitação psicossocial, território, redução de danos, e compromisso com suas histórias vividas e contadas, a necessidade de em algumas situações desejar por eles para que o momento vivido , tenha a capacidade de se reorganizar , não permitindo que aquele espaço oras Residência Terapêutica, oras lar de pessoas, se torne mais uma ala de moradores de hospitais psiquiátricos.