Saúde, linguagem e estigma

Primary tabs


8votos

Saúde, linguagem e estigma

Maria Luiza Carrilho Sardenberg is offline

 

 

 

O Centro de Referência Professor Hélio Fraga - instituição nacional de referência do SUS para a tuberculose e outras pneumopatias - realizará uma semana de mobilização e atividades para marcar o Dia Mundial da TB. A programação conta com palestra, apresentações, exposição e até uma intervenção artística. Mesmo tendo tratamento gratuito em toda a rede pública do Brasil, a tuberculose ainda mata milhares de pessoas por ano. Portanto, é preciso colocar a questão em pauta, falar sobre o tema, debater as formas de tratamento e enfrentamento do estigma e, acima de tudo, sensibilizar os profissionais de saúde e a população. Entre as ações previstas para essa semana também estão a iluminação do Castelo da Fiocruz, de 20 a 27 de março, e da estátua do Cristo Redentor, no dia 24 de março, quando é celebrado o Dia Mundial da Tuberculose. Confira a programação e participe! 
 
No dia 21 de março acontecerá uma mobilização voltada para os profissionais de saúde que atuam no Centro de Referência. A partir das 9h acontecerá a apresentação do Programa de Saúde do Escolar de 2017, seguida de uma roda de conversa sobre a tuberculose e ainda o planejamento das ações de saúde. 
 
No dia 24 de março, a partir das 9h, no auditório do Centro de Referência Professor Hélio Fraga, haverá a divulgação do documento Unidos pelo fim da TB. Cada palavra conta: Linguagem e uso sugeridos para comunicações em Tuberculose – Stop TB Partnership/Unops, cuja tradução foi feita pelo pesquisador do CRPHF Pablo Dias Fortes. Às 10h acontecerá a palestra Saúde, linguagem e estigma, proferida pelo pesquisador da ENSP, Caco Xavier, que é filósofo e antropólogo. Em seguida será realizado um debate com o público. Durante toda a manhã Marcio Arte, grafiteiro, realizará uma intervenção no muro do Centro de Referência, que será inaugurada no mesmo dia. A intervenção tem o apoio da Asfoc.
 
Segundo Pablo, a atividade no Hélio Fraga tem o objetivo de promover o debate público em torno da importância do papel da linguagem e da comunicação em saúde no combate ao estigma sofrido pelas pessoas afetadas pela tuberculose.
 
O Centro de Referência Professor Hélio Fraga (CRPHF/Ensp/Fiocruz) fica localizado na Estrada de Curicica, nº2000 - Curicica, Rio de Janeiro.
 
( texto retirado do Portal da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca ).
 

 2 COMENTÁRIOS

Emilia Alves de Sousa is offline

Que maravilha de iniciativa! A tuberculose, embora tenha apresentado uma queda na incidência de casos nos últimos anos, ainda é uma doença preocupante. E estimular o debate na perspectiva de ampliar a informação sobre a doença e combater o estigma sofrido pelas pessoas acometidas é importante e necessário!

Maria Luiza Carrilho Sardenberg is offline

 

Sincronicidade ou não, estou lendo o clássico A Montanha Mágica, de Thomas Mann neste momento. Interessantíssimo ver os modos de se lidar com a tuberculose na época e as concepções sobre saúde e doença que circulavam no Sanatório Behrens na cidade suíça de Davos. Isto só prá dizer do pedaço mais evidente da trama, pois o livro é maravilhoso na explicitação do espírito do tempo. 

Ao contrário do que se espalhou por muito tempo, trata-se de uma leitura deliciosa.

 

Sobre a obra, Malcolm Bradbury escreve:

"Seria, segundo ele [Mann], uma viagem à decadência; contudo, ele também a qualificou como a busca da ‘idéia do homem, o conceito de uma humanidade futura que vivenciou o mais profundo conhecimento da doença e da morte’... [2]

Últimos posts promovidos


Nilciany Camargo is offline
8votos

Atenção Domiciliar - Tire suas dúvidas AO VIVO • 24/03 • 10h e 14h

O Formação em Debate desta sexta-feira (24/03) vai falar sobre Atenção Domiciliar com a participação da Dra. Fernanda de Carvalho Affonso, Supervisora Médica do Programa Melhor em Casa do Hospital São Luiz Gonzaga – Santa Casa de São Paulo.

A transmissão é pelo Canal Profissional, nas TVs das Unidade de Saúde do município de São Paulo em dois horários: às 10h e às 14h.

Últimos posts comentados


Emilia Alves de Sousa is offline
0votos

MS e UFMG promovem curso EAD sobre Atenção à Mulher em Situação de Violência

Imagem de Sebastião Moreira

Estão abertas até o dia 6 de abril próximo as inscrições para o curso de extensão “Atenção à Mulher em Situação de Violência” - modalidade Ensino à Distância (EAD). O treinamento é promovido pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), por meio do projeto Para Elas, desenvolvido em parceria com a Coordenação Geral de Saúde das Mulheres (Dapes/SAS), do Ministério da Saúde (MS). O objetivo é capacitar profissionais para a abordagem da mulher em situação de violência.