A SAUDE NA BAHIA EM SALVADOR E NO INTERIOR

Primary tabs


9votos

A SAUDE NA BAHIA EM SALVADOR E NO INTERIOR

vasconcelos neves is offline

att raimundo Valera/ Balanço Geral Responder |allan neves vasconcelos neves ✆ para balancogeral
mostrar detalhes 21:05 (8 horas atrás)

deallan neves vasconcelos neves <allannevesvasconcelos@gmail.com>
horário do remetenteEnviado às 21:05 (GMT-03:00). Horário atual no local de envio: 06:02. ✆
parabalancogeral@tvitapoan.com.br

data21 de fevereiro de 2010 21:05
assuntoatt raimundo Valera/ Balanço Geral
enviado porgmail.com

ocultar detalhes 21:05 (8 horas atrás)

Sra.Varela , Bom dia !
 
Estive ontem  sabado as 10:00 horas ,no Posto de Emergencia de Piraja E em Salvador Bahia, levando um Cidadao ,que caiu e bateu a cabeça ,na parte do ouvido no chao ,Joarez Pimentel Carvalho ! morador  a Rua da Inconfidencia n 313    E piraja Nova / Salvador Bahia! sendo o mesmo rejeitado por nao haver nenhum Medico de Plantao na Emergencia ! sendo informado que no Hge , seria referencia para este tipo de trauma ,observe que a recpçao Diagnosticou ... funçao de Medico depois de avaliaçao e exames etc... pois la e´referencia do Estado em Otorrinolaringologia ! chegando la , fomos rechaçados  , funcionaria da recpçao e vigilantes prontos para intervir , observando-se escesso de zelo para quem ja esta debilitado !pois nao haveria Medico Otorrino,mais uma vez Diagnostico feito por recepcionista , e que deveriamos ir ao Hospital Roberto Santos ! observe que o pessoal da recepçao fazendo Diagnosticos e prognosticos medicos , pois ja dizem o que o Paciente tem e sem o menor principio e´tico empuram literalmente o Paciente para outros Hospitais ! e sendo o HGE referencia em Otorrino imagine!em relaçao a Paciente ,ha medicina e Enfermagem ,  nao existe erros e sim Crimes ! assim diz os codigos de deontologia !indo ao roberto Santos fomos indicados por R 2 e R1 ! medicos residentes  que ,parecem feirantes mercando subjeçoes prognosticas empurrando pacientes sem ao menos chegarem perto ! afinal ! preto e pobre da periferia pode contagiar suas suscetibilidades vaidosas de apuro tecnico !mandou-se ir para o HGE ... procurar o HGE , que segundo eles e´referencia estadual em Otorrinolaringologia ! 
 
 
Sr. varela eu faço parte da Politica nacional de Humanizaçao Hospitalar ! e me envergonho ... quando vejo profissionais sem o menor tino etico e com apoio irrestrito de coorrdenadores despreparados a lidar com gente ! co-responsabilizando seus gestores e os proprios secretarios e o Governado do Estado da Bahia Vagner  e o Prefeito Joao Henrrique, no caso do posto da Prefeitura de piraja ! /
 
sei que Os Hospitais Estaduais e o Posto Municipal ...nao pode atender desta forma Ridicula! lembro do atendimento do ex Secretario de saude do Estado , Sr.Antonio Carlos Magalhaes que sofreu infarte em Brotas e ,socorrido por trauseutes e um motorista foi levado ao HGE , onde foi atendido e como paciente de Emergencia veio a falecer na unidade! imagine se os Secretarios ou o Governador da Bahia Ilmo.  Sr.Vagner ou seus parentes um irmao sobrinho ou agregado etc..  houvessem de acontecer um acidente e fossem rejeitados como esse Cidadao , bagameiro... catador de papelao , com o SUS que abre as portas para o atendimento de qualidade ? e qualquer um de nos ? em Breve vai ser reinaugurado o Hospital  Joao Batista caribe´no Suburbio de Coutos em salvador Bahia ! o que esta havendo com a central de regulaçao ? e a saude da populaçao da Cidade e do Interior da Bahia ?SOS SALVE NOSSAS ALMAS 
 
 
 

 0 COMENTÁRIOS

Últimos posts promovidos


Emilia Alves de Sousa is offline
6votos

Projeto: "Enquanto o Doutor não Vem"

 

Hoje (23) deu-se inicio no ambulatório do HILP a implantação do “Projeto Enquanto o Doutor não Vem”. Trata-se de uma iniciativa que tem como público alvo os usuários do ambulatório do Hospital Infantil Lucídio Portella, com o objetivo de otimizar o tempo de espera no atendimento ambulatorial, através de ações informativas e interativas, buscando ampliar o conhecimento, a troca de saberes e o nível de satisfação entre esses sujeitos.

Últimos posts comentados


Fátima Couto is offline
1votos

A vida volta a sorrir...

Chica foi mais uma das muitas moradoras dos hospitais psiquiátricos brasileiros. Sua genética e história de vida lhes foram desfavoráveis e não deram a oportunidade de viver como ela merecia. Desde 08 de maio de 1984 morava no Hospital Dr. João Machado e por lá permaneceu até maio de 2016. Foram 32 anos, muito mais do que tenho de vida, vividos entres as paredes institucionais. Desses, aproximadamente 25 anos foram passados em enfermarias rotativas caracterizadas pela impossibilidade de ter um lugar para chamar de seu.