Coleção sobre o Sistema Único de Saúde está disponível para download

Primary tabs


13votos

Coleção sobre o Sistema Único de Saúde está disponível para download

Sebastian Freire is offline
Com o objetivo de valorizar e implementar o Sistema Único de Saúde (SUS), o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) lançou a coleção Para Entender a Gestão do SUS 2015. Ela é composta de quatro livros: A Gestão do SUS; A Atenção Primária e as Redes de Atenção à Saúde; Alternativas de Gerência de Unidades Públicas de Saúde; e Direito à Saúde; e traz temas atuais e estratégicos para a gestão do SUS. A coleção está em acesso aberto e, além do computador, ela pode ser baixada em tablets ou smartphones.
 
A Gestão do SUS aborda a legislação estruturante do sistema e aborda informações atualizadas a respeito da sua gestão e planejamento com base no Decreto n. 7.508/2011 e sobre seu financiamento, previsto na Lei n. 141/2012 e na Emenda Constitucional n. 86. 
 
Já A Atenção Primária e as Redes de Atenção à Saúde apresenta as questões relativas à transição epidemiológica no Brasil e a importância da implantação das Redes de Atenção à Saúde. Ressalta ainda o papel da Atenção Primária à Saúde na operacionalização das redes e descreve o atual processo de implantação. 
 
Alternativas de Gerência de Unidades Públicas de Saúde discorre sobre os modelos de gerência da Administração Pública Brasileira, a Lei n. 13.019/2014 e um levantamento feito nos estados sobre os modelos de gerência de unidades públicas de saúde. 
 
O quarto e último livro Direito à Saúde apresenta temas relacionados ao direito à saúde, à legislação brasileira, o sistema sanitário e suas interfaces com o sistema de justiça e os impactos do fenômeno da judicialização da saúde no SUS. 
 
Acesse aqui a coleção em:
 
ou
 
 
Sugestões de leitura da amiga Débora Aliegieri  http://www.revistas.usp.br/rdisan

 

 6 COMENTÁRIOS

deboraligieri is offline

Sebástian querido.

Que lindo material você compartilha aqui conosco! Fui correndo olhar o volume sobre direito sanitário, e ele engloba diversas facetas dessa área, com textos tanto sobre efetividade do direito à saúde como também sobre as questões envolvidas com a judicialização da saúde e com pedidos judiciais referentes à assistência farmacêutica. Nesse aspecto, cabe observar que a maioria dxs autorxs dos artigos são pessoas ligadas aos serviços públicos de saúde (secretarias de saúde principalmente) e a procuradorias das fazendas. Assim, existe um certo matiz ideológico nos textos que devem ser levados em conta quando da leitura do volume.

Há um dos artigos sobre fornecimento de medicamentos de marca cujo autor é um Procurador da Fazenda do Estado de São Paulo, e muito do que está no texto (algumas vezes de forma bastante jocosa ao afirmar que pacientes escolhem cores e formatos de medicamentos, sem qualquer respeito às necessidades diferenciadas de algumas pessoas) são argumentos utilizados nas ações de clientes meus em que ele atua contra o fornecimento dos insumos de diabetes, de forma bastante padronizada e pouco atenta às particularidades dos casos (é comum chamar uma cliente mulher de "Autor" e vice-versa, o que pra mim demonstra pouquíssimo apreço à singularidade de cada usuárix do SUS).

Uma boa complementação de leitura dialógica com este volume do Conass é a Revista de Direito Sanitário da USP, publicada desde 2000, e que tem como missão divulgar o conhecimento e fomentar discussões de temas relacionados com o campo interdisciplinar do Direito Sanitário, reunindo diferentes áreas da Ciência Jurídica e da Saúde Pública, com textos de autorxs com atuação profissional em defesa das Secretarias e Fazendas e também em defesa de usuárixs do SUS. Todos os artigos podem ser gratuitamente encontrados no link: http://www.revistas.usp.br/rdisan

E para dialogar com o texto do Procurador do Estado de SP, deixo aqui o link de um artigo que escrevi analisando um processo de fornecimento de insumos de diabetes em São Paulo: A Generalização Desumanizada da Saúde no Brasil.

Beijos, e saudades,

Débora

Sebastian Freire is offline

Querida Débora, muito obrigado pelas observações!

 

Com certeza vou acessar o site indicado e ler mais sobre o tema.

 

Beijos e saudades também!!

Sebástian

deboraligieri is offline

Ah, Sebastian, você é um fofo mesmo, acrescentou o link da REvista de Direito Sanitário no post. Sabe que alguns dos artigos da revista do Conass estão também nessa revista da USP.

O volume é muito bom, fiquei com vontade ler esse e os outros 3. Quando eu estiver menos "superimiplicada com a produção de mais valia subjetiva" vou ler todos!

Bjs,

Débora

Manuela Pinheiro is offline

Sebastião, boa tarde.

Adorei a sua publicação, mas, ao menos para mim, os dois links estão indisponíveis! surpriseno

Existe algum outro "caminho"?

No aguardo de seu retorno, desde então, agradeço.

yes

Att,

Manuela

deboraligieri is offline

Manuela.

Testei por aqui e os dois links funcionam. Tente mudar de navegador (se estiver em celular ou tablet, tente em um computador). Se não conseguir, tente esse outro link aqui: http://www.conass.org.br/biblioteca/colecao-para-entender-a-gestao-do-sus-2015/

Abraços,

Débora

deboraligieri is offline

Sebastian querido.

No fim de semana estive num VER-SUS São Paulo com estudantes de várias áreas, bastante interessados no funcionamento e gestão do SUS. Um deles me pediu uma indicação de textos sobre o assunto, e indiquei este seu post e a coleção do CONASS. E compartilhei no grupo que fizemos com xs demais.

Bjs,

Débora

 

Últimos posts promovidos


Raquel Torres Gurgel is offline
7votos

Dá pra ter uma mostra Saúde É Meu Lugar na sua cidade.

Há três ou quatro meses, divulgamos aqui a Mostra Saúde É Meu Lugar – um projeto da Rede Brasileira de Escolas de Saúde Pública que busca dar visibilidade ao trabalho de quem atua na Atenção Básica, nos territórios.

Últimos posts comentados


Comitê Médio Vale is offline
4votos

Inicia se a série de oficinas Microrregionais de Humanização do Médio Vale do Itajaí!

 

A primeira acontecrá em Brusque SC no dia 24 08 2017.

A proposta foi construida pelo Comitê Regional de Humanziação do Médio Vale do Itajaí em parceria com o CIES (Comissão Integração Ensino e Serviço do Médio Vale do Itajaí) e com apoio da CIR (Comissão Intergestores Regionais do Médio Vale do Itajaí).