Educação Continuada Agentes Comunitários de Saúde


12votos

Educação Continuada Agentes Comunitários de Saúde

Sílvia Costa is offline

A Secretaria de Saúde, por meio do Programa de Kit Medicamento, iniciou o processo de educação continuada dos 120 agentes comunitários sobre uso racional de medicamentos para hipertensão arterial e diabetes.

O trabalho começou com 13 agentes da UBS (Unidade Básica de Saúde) do Jardim João de Vasconcellos e segue no CIS do Nova Veneza. Esta atividade estava suspensa há mais de 3 anos no município. O reforço acontece em paralelo à regularização do fornecimento dos Kits Medicamentos a Insulinos Dependentes.

O programa entregou 5.913 kits completos nas 23 unidades de saúde do município na última semana. Foram 2.604 kits de medicamentos, 3.217 kits de insulina e 92 glicosímetros. “Conseguimos regularizar já neste semestre a distribuição dos kits para toda rede, algo que não vinha acontecendo desde o ano passado.Vamos agora reforçar o treinamento dos agentes comunitários que têm um papel importante no acolhimento desta população acometida por diabetes e hipertensão. Nossa missão é aumentar a cobertura deste atendimento nos próximos anos”, destacou a secretária de Saúde, Tânia Pupo.

A gerente do Programa Kit Medicamento, Silvia Costa, explica que a população de hipertensos e de diabéticos tem aumentado em virtude do aumento da expectativa de vida das pessoas. Os idosos são o grupo mais atingido pelas doenças crônicas, contudo, a especialista aponta uma demanda crescente de jovens portadores de algum transtorno. “Este programa existe em Sumaré há sete anos e estamos requalificando os nossos agentes. O nosso objetivo é que eles compreendam os aspectos das doenças crônicas, as técnicas de manipulação dos medicamentos para realizarem um trabalho humanizado”,
frisou Silvia.

A atividade de qualificação é realizada com usos de apostilas, apresentação de slides onde são abordados temas como Doenças Crônicas Não Transmissíveis, Envelhecimentp, Hipertensão, Diabetes, Obesidade e Uso Racional de Medicamentos.

A prefeita Cristina Carrara realça que a principal meta do programa a partir de agora é atingir o maior número possível de pessoas que são portadores de doenças crônicas e também realizar um bom trabalho de orientação e prevenção com ajuda dos agentes comunitários de saúde.

Fonte: DA REDAÇÃO | Sumaré
tribunaliberal@tribunaliberal.com.br

AnexoTamanho
Image icon blog_1.jpg31.38 KB

 6 COMENTÁRIOS

eder.julio@yahoo.com.br is offline

Bela iniciativa...

Sílvia Costa is offline

Obrigada Éder !!

Abraço,

Sílvia

Maria Luiza Carrilho Sardenberg is offline

que vai reverberar pelo território.

Sílvia Costa is offline

Grata pelo comentário Iza.

Abraço.

Sílvia

Sabrina Ferigato is offline

É sempre bom saber de notícias de municípios que investem na capacitação de seus profissionais,de acordo com as necessidades do SUS. A função de acolhimento por parte dos ACS é fundamental em projetos como esse.

Fiquei em dúvida, no entanto no papel do médico, na avaliação e no acompanhamento nos usuários que recebem esses kits medicamentos... Os kits e seus modos de uso são padronizados ou individuais? ou que recebe os kits são as unidades que por sua vez administram o tratamento conforme a necessidade individual?

bjos

Sabrina

 

Sílvia Costa is offline

Boa tarde Sabrina,

Os kits medicamentos são individuais e entregues nas residências dos pacientes mensalmente, a equipe multidisciplinar da Unidade de Saúde faz o acompanhamento de todos os cadastrados.

A terapêutica é verificada mês a mês, inclusive os casos de não adesão (os pacientes guardam os medicamentos e não usam)..ou idosos que não tem cuidadores e não entendem o uso de medicamentos.

Nosso foco são principalmente os idosos já que em sua maioria tem a doença crônica e muitas vezes apresentam as maiores dificuldades durante a terapêutica.

Fiquei muito agradecida com seu comentário!

Abraços!

Sílvia S. Costa

 

Últimos posts promovidos


Ricardo Teixeira is offline
3votos

SUS chama a atenção do mundo pelo seu caráter universal e o relativo grau de eficiência em um país de grandes dimensões

A gente aqui se desdobrando para salvar o SUS de todo tipo de ataque e ameaça, enquanto ele esteve em discussão durante todo mês de abril na "Brazil Conference at Harvard and MIT".

Que interesse desperta o SUS lá fora?

A edição especial sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) a ser lançada em breve por uma das mais importantes revistas médicas do mundo, a "The Lancet", dá uma ideia: "O programa será analisado por sua abrangência. A maior curiosidade em torno do SUS é a universalização do serviço e seu relativo grau de eficiência em um país de grandes dimensões."

Últimos posts comentados


Fatima Oliveira-Hospital Getúlio Vargas-Pi is offline
2votos

Sarau alivia rotina no HGV com funcionários e pacientes

Como parte da programação dos 75 anos do Hospital Getúlio Vargas (HGV), foi realizado nesta quarta-feira (4), às 18h:30, o Sarau "Poesia é um Santo Remédio". O objetivo, segundo a diretora geral do HGV, Clara leal, foi melhorar a estadia no ambiente hospitalar, integrando colaboradores e pacientes com música e poesias. O evento terá a participação dos médicos poetas e será coordenado pelo professor Cinéas Santos.